Língua hindi – wikipédia, a enciclopédia livre electricity and magnetism purcell pdf

####

O hindi é uma língua oriunda do sânscrito clássico, mais precisamente do dialeto das proximidades de Délhi, que adquiriu prestígio no período do Império Mughal no século XVII, dando-lhe a denominação de urdu, a "língua da corte". Logo depois da independência da Índia as autoridades sentiram a necessidade de uma unificação dentro do idioma, portanto decidiu-se por padronizar o hindi como língua separada do urdu, dentro das seguintes convenções:

• Padronização ortográfica: obrigatoriedade do uso do alfabeto devanágari pelo Ministério da Educação indiano na intenção de uniformizar a língua e evitar desvios de pronúncia, inclusive na adição de diacríticos para datação de palavras de outras línguas.

A constituinte oficializou o hindi como idioma oficial da União em 14 de setembro de 1949, esta data foi adotada mundialmente como sendo o dia da língua hindi. Gramática [ editar | editar código-fonte ] Pronomes [ editar | editar código-fonte ]

a palavra para homem (आदमी-aadmi) não possui plural, mas, quando no contexto se refere a vários homens o verbo é conjugado no plural, mas o substantivo é preservado como no singular. Artigos [ editar | editar código-fonte ] Artigo definido e indefinido [ editar | editar código-fonte ]

Semelhante ao latim e ao persa, a ordem na frase em hindi costuma ser sujeito-objeto-verbo. Há uma certa complicação para quem não está acostumado, pois, uma frase como: o menino pula é (está pulando): larka kud-raha-he; em que "larka" é "o menino", "kud" é um radical que traz a ideia de "pulo, salto", "raha" é o sufixo para o singular e masculino e "he" é o verbo ser/estar, literalmente (menino pulando(ele) está). Se for dito: a menina pula (está pulando): larki kud-rahi -he; onde "larki" é "a menina", e "rahi" é o sufixo para o singular feminino.

Um cuidado deve ser tomado quando se pronuncia o verbo ser/estar no singular e no plural, pois, soa muito semelhante: ह – hee (é, está) e ह hen (são, estão). A forma plural possui um pequeno ponto nasal difícil de se perceber, e nem são diferenciados por algumas fontes. Vocabulário [ editar | editar código-fonte ]

Para quem não está acostumado com o idioma, os números 7 e 60 podem confundir por terem pronúncias parecidas. O uso do ò serviu para não ser confundido com o ô (como em ovo), mas, o ó (como em ópera). Sistema de escrita [ editar | editar código-fonte ]

O sistema de escrita do hindi é o alfabeto devanagari, o mesmo que era utilizado na escrita do sânscrito, língua hoje somente utilizada em atividades religiosas. Além do hindi, algumas outras línguas do norte e da região central da Índia também utilizam o devanagari como seu sistema de escrita. Um exemplo é o marata, falado no estado do Maharashtra, cuja capital, Mumbai, é também a capital econômica da Índia. Embora a maior parte da população indiana não tenha o hindi como língua materna, grande parte o domina como segunda língua, o que faz desta língua indiana uma das mais faladas no mundo. Fonologia [ editar | editar código-fonte ]

O hindi é uma língua oriunda do sânscrito clássico, mais precisamente do dialeto das proximidades de Délhi, que adquiriu prestígio no período do Império Mughal no século XVII, dando-lhe a denominação de urdu, a "língua da corte". Logo depois da independência da Índia as autoridades sentiram a necessidade de uma unificação dentro do idioma, portanto decidiu-se por padronizar o hindi como língua separada do urdu, dentro das seguintes convenções:

• Padronização ortográfica: obrigatoriedade do uso do alfabeto devanágari pelo Ministério da Educação indiano na intenção de uniformizar a língua e evitar desvios de pronúncia, inclusive na adição de diacríticos para datação de palavras de outras línguas.

A constituinte oficializou o hindi como idioma oficial da União em 14 de setembro de 1949, esta data foi adotada mundialmente como sendo o dia da língua hindi. Gramática [ editar | editar código-fonte ] Pronomes [ editar | editar código-fonte ]

a palavra para homem (आदमी-aadmi) não possui plural, mas, quando no contexto se refere a vários homens o verbo é conjugado no plural, mas o substantivo é preservado como no singular. Artigos [ editar | editar código-fonte ] Artigo definido e indefinido [ editar | editar código-fonte ]

Semelhante ao latim e ao persa, a ordem na frase em hindi costuma ser sujeito-objeto-verbo. Há uma certa complicação para quem não está acostumado, pois, uma frase como: o menino pula é (está pulando): larka kud-raha-he; em que "larka" é "o menino", "kud" é um radical que traz a ideia de "pulo, salto", "raha" é o sufixo para o singular e masculino e "he" é o verbo ser/estar, literalmente (menino pulando(ele) está). Se for dito: a menina pula (está pulando): larki kud-rahi -he; onde "larki" é "a menina", e "rahi" é o sufixo para o singular feminino.

Um cuidado deve ser tomado quando se pronuncia o verbo ser/estar no singular e no plural, pois, soa muito semelhante: ह – hee (é, está) e ह hen (são, estão). A forma plural possui um pequeno ponto nasal difícil de se perceber, e nem são diferenciados por algumas fontes. Vocabulário [ editar | editar código-fonte ]

Para quem não está acostumado com o idioma, os números 7 e 60 podem confundir por terem pronúncias parecidas. O uso do ò serviu para não ser confundido com o ô (como em ovo), mas, o ó (como em ópera). Sistema de escrita [ editar | editar código-fonte ]

O sistema de escrita do hindi é o alfabeto devanagari, o mesmo que era utilizado na escrita do sânscrito, língua hoje somente utilizada em atividades religiosas. Além do hindi, algumas outras línguas do norte e da região central da Índia também utilizam o devanagari como seu sistema de escrita. Um exemplo é o marata, falado no estado do Maharashtra, cuja capital, Mumbai, é também a capital econômica da Índia. Embora a maior parte da população indiana não tenha o hindi como língua materna, grande parte o domina como segunda língua, o que faz desta língua indiana uma das mais faladas no mundo. Fonologia [ editar | editar código-fonte ]