Mulheres de areia (1993) – wikipédia, a enciclopédia livre electricity font

#

Mulheres de Areia foi um remake mixado de duas tramas da própria autora. A história principal era uma versão da telenovela de mesmo título, Mulheres de Areia, exibida pela Rede Globo em 1973, enquanto o restante das histórias paralelas foram extraídas de O Espantalho, escrita por Ivani em 1977 na RecordTV. [3 ] Reexibições [ editar | editar código-fonte ]

Teve uma segunda exibição entre 12 de setembro de 2011 a 9 de março de 2012, substituindo O Clone e sendo substituída por Chocolate com Pimenta, em 129 capítulos. [5 ] Durante a exibição desta reprise, o capítulo de número 46, que seria exibido em 14 de novembro de 2011, uma segunda-feira, não foi ao ar devido à transmissão do amistoso de futebol entre Brasil e Egito. Com isso, a reprise, que teria 130 capítulos, fechou com 129. [6 ]

Em agosto de 2011, a emissora teve que adequar a novela para a classificação ‘L – Livre para todas as idades", Com isso a primeira adequação foi eliminar a nudez da abertura de Mulheres de Areia e a Rede Globo usou recursos de computação para que os seios de Mônica Carvalho não aparecessem. [10 ]

Em outubro de 2011, a emissora foi notificada que a trama de Ivani Ribeiro apela para o assédio moral, nudez sugestiva e apologia ao fumo e à bebida. Com isso foi notificada que a trama, contém cenas inadequadas para menores de dez anos, com isso teve que fazer mais cortes evitando que cenas impróprias para o horário vespertino fossem exibidas, sendo assim atendendo a classificação "10 anos – Este programa contém cenas inadequadas para menores de dez anos". [11 ]

Em junho de 2012, logo após o fim da segunda reprise, o MJ reclassificou a trama como inadequada para menores de doze anos, porém isso não impede outra reprise no Vale a Pena Ver de Novo, pois em setembro de 2016 a vinculação horária à classificação indicativa foi derrubada. [12 ] [13 ] Enredo [ editar | editar código-fonte ]

Mulheres de Areia tinha como tema central a rivalidade entre gêmeas. A história se passa na fictícia Pontal D’Areia, cidade do litoral fluminense, para onde Ruth (Glória Pires) retorna depois de passar algum tempo dando aulas na escola primária de uma fazenda (gravada na Fazenda São Fernando em Vassouras [14 ]). Ruth volta a morar com os pais, Isaura (Laura Cardoso) e Floriano (Sebastião Vasconcelos), e com a sua gêmea, Raquel (Glória Pires). Raquel e Ruth, apesar de fisicamente idênticas, tem personalidades muito diferentes. Ruth é doce, calma e tem um bom coração. Raquel, por sua vez, é egoísta, agressiva e má. Aproveitando-se da semelhança física com a irmã, Raquel planeja conquistar o namorado de Ruth, o bem-sucedido empresário Marcos Assunção (Guilherme Fontes), que se encanta com Ruth quando a conhece em Pontal D’Areia.

Para a tristeza de Ruth, Raquel consegue seduzir Marcos e se casa com ele, interessada somente na fortuna do rapaz. O casamento, no entanto, não impede que ela continue a se encontrar às escondidas com o mau-caráter Wanderlei (Paulo Betti), seu namorado. Em determinado momento da história, Tonho da Lua (Marcos Frota) descobre a traição de Raquel. Portador de uma deficiência mental, Tonho alimenta um amor platônico por Ruth, sua protetora, e faz tudo para vê-la feliz. Raquel, por sua vez, o persegue e inferniza sua vida.

A descoberta de Tonho não traz nenhuma consequência para o casamento de Raquel, que convence Marcos de que tudo não passa de um engano. Ruth, por sua vez, não consegue esquecer Marcos e sofre ao ver a irmã casada com seu grande amor. A história sofre uma reviravolta quando Raquel sofre um acidente no mar, é dada como morta, e Ruth assume seu lugar para ficar ao lado de Marcos. Mas Raquel, na verdade, não morreu e planeja voltar e se vingar da irmã.

No meio da trama Wanderley é assassinado e a história torna-se num "Quem Matou". No final, Virgílio não resiste à sua doença e morre. Donato é preso. Depois de ter armado um golpe para separar Ruth e Marcos, Raquel sofre um acidente de carro e morre. Isaura, que sempre estivera ao lado de Raquel, decide contar à Ruth o plano da irmã para separá-la de Marcos. Isaura revela que Raquel dopou o rapaz e deitou-se ao seu lado para que Ruth acreditasse que os dois haviam dormido juntos. Na ocasião, Ruth flagrou Raquel na cama do amado e rompeu com ele, achando que, mais uma vez, seu grande amor a tivesse traído. Ao saber da verdade, Ruth vai atrás de Marcos e conta que tudo não passou de uma armação de Raquel para separá-los. Os dois finalmente conseguem se entender e, apaixonados, terminam a novela juntos. [15 ]

Corações em Conflito • Ambição • Alma Cigana • A Moça Que Veio de Longe • A Gata • Se o Mar Contasse • A Outra Face de Anita • Onde Nasce a Ilusão • A Indomável • Vidas Cruzadas • A Deusa Vencida (1965) • A Grande Viagem • Almas de Pedra • Anjo Marcado • As Minas de Prata • Os Fantoches • O Terceiro Pecado • A Muralha • Os Estranhos • A Menina do Veleiro Azul • Dez Vidas

As Bruxas • O Meu Pé de Laranja Lima (1970) • A Selvagem (adaptação de Alma Cigana) • Nossa Filha Gabriela • O Leopardo (com o pseudônimo de Arthur Amorim) • Camomila e Bem-me-quer • Mulheres de Areia (1973) • O Machão (argumento) • Os Inocentes • A Barba Azul • A Viagem (1975) • O Espantalho • O Profeta (1977) • Aritana

A Deusa Vencida (1980) • Cavalo Amarelo • O Meu Pé de Laranja Lima (1980) • Final Feliz • Amor com Amor Se Paga (adaptação de Camomila e Bem-me-quer) • A Gata Comeu (adaptação de A Barba Azul) • Hipertensão (adaptação de Nossa Filha Gabriela) • O Sexo dos Anjos (adaptação de O Terceiro Pecado)

La invitación (adaptação de Os Fantoches exibida em 1987 pelo Canal 13 do Chile e escrita por Jorge Díaz Saenger) • O Cravo e a Rosa (referência da telenovela A Indomável, exibido em 2000 escrito por Walcyr Carrasco) • O Profeta (adaptação da telenovela homônima exibida em 2006 e escrita por Duca Rachid e Thelma Guedes)